domingo, 26 de julho de 2015

3 Passos para Começar uma Criação de Galinhas

3 Passos para Começar uma Criação de Galinhas

Você está preparado?

Para iniciar uma criação de galinhas.

Essa é a grande dúvida da maioria das pessoas. Escolher uma boa raça, um bom local e construir um galinheiro não são tarefas fáceis, e com certeza você irá precisar de ajuda.

Como começar uma Criação de Galinhas?

Antes de te passar algumas dicas, e demonstrar os 3 principais passos para começar uma criação de galinhas. É importante mencionar o quanto é gratificante criar galinhas, diferente de todos os outros tipos de criações, criar galinhas é um arte.

Observar todo o desenvolvimento de suas aves, os pintinhos, ovos e tudo mais é algo mágico. Tenho certeza de que não irá se arrepender desta decisão.


Para lhe ajudar ainda mais a como começar a criar galinhas, conheça agora o manual de como criar galinhas com sucesso! Clique aqui.

Bom, vamos lá! :)

- O 1º GRANDE PASSO

É aqui que tudo começa, onde todo planejamento de sua criação se inicia. Basicamente a única questão envolvida é: Por quê Criar Galinhas? 
Você precisa decidir qual o motivo de sua criação, e o que espera dela. Bom, você pode criar galinhas pelos seguintes motivos:
1° HOBBY - Neste tipo de criação, a única intenção é o prazer pessoal. As raças utilizadas são ornamentais e muito bonitas, além de tudo o criador não deseja nada a mais, do que uma tarde prazerosa observando suas aves (conheça mais sobre esse tipo de criação clique aqui).

2º EU QUERO OVOS! - Já nessa criação o interesso do criador é a produção de ovos, seja para consumo próprio ou para vende-los. As raças utilizadas são especificar para a produção de ovos, e chegam a produzir até um ovo por dia (comece hoje mesmo uma criação para produção de ovos clique aqui). 

3º EU QUERO CARNE! - Aqui o grande interesse do criador é a produção de carne, seja para vender ou utilizar para consumo próprio. As raças utilizadas são propicias para isso, e ganham peso com facilidade em pouco tempo (aprenda a ganhar dinheiro vendendo frangos caipira para corte clique aqui). 
Resumidamente estes são os 3 tipos de criações de galinhas, você precisa escolher um destes que se enquadra melhor no que deseja. E então partir para o próximo passo.

- O 2º GRANDE PASSO

Você é bom com contas? Pegue uma caneta e lápis na mão. Decidido o propósito de sua criação, agora está no momento de começar a realizar seus planos.
Onde suas galinhas irão ficar? Você já deve ter alguma área disponível, não precisa ser grande. O cálculo para saber quantas aves vão caber no local é simples: Para cada um metro quadrado, você calcula 1 ou 2 aves, caso tenha 10 metros quadrados, você poderá ter até 10/20 galinhas.

Elas não precisam de nada muito elaborado, conforme a raça que escolher elas normalmente serão bem resistentes. Mas necessitam de todos os cuidados básicos necessários.

Por isso, construa no local um galinheiro bem simples, que as acomode do frio e chuva e também que possua alguns ninhos, comedouros e bebedouros (aprenda a como construir um ótimo galinheiro clique aqui).

- O 3º GRANDE PASSO

Chegou o grande momento, ir as compras! Com um local adequado e e galinheiro construído só falta ir comprar o que falta: Os pintinhos.

Procure uma Casa Agropecuária (Casa de Ração") e compre a quantidade que precisa de pintinhos (ou se preferir você pode comprar ovos de Índio Gigante para chocar clique aqui).

Bom, normalmente as raças que você iá encontrar, são as mais comuns possíveis, mas caso necessite de uma raça específica converse com o dono do local e veja se é possível a aquisição de outros pintinhos da raça que deseja. 

Também não se esqueça de comprar os bebedouros e comedouros, na proporção de 1/5 (para cada 5 aves 1 de cada).

- OS PRIMEIROS PASSOS COM OS PINTINHOS

Como criar pintinhos?
Após comprar os pintinhos, você não pode simplesmente soltá-los no galinheiro. Eles necessitam de cuidados especiais, pois esta é a fase mais crítica e sensível da vida de uma galinha.

Basicamente,compre-os e os coloque em uma caixa de papelão perfurada (para que o ar possa entrar e sair), coloque ração/água e os mantenham aquecidos (caso seja preciso, coloque uma lâmpada de 60 watts para auxiliar e não os deixe passar frio).

Os mantenha nesta caixa até 20/30 dias. A partir de então, eles já estarão aptos a ir para o galinheiro.

No galinheiro verifique se tudo se encontra bem, caso eles não se sintam confortáveis e demonstrem estarem com frio durante a noite, os recoloque em uma caixa maior. E vá aos poucos os introduzindo ao galinheiro, onde será o local definitivo da sua criação.
Compartilhe

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© 2015 Galinha Hoje | Criado por Jonatan Souza | Desing por SB Templates